ALERGIA ALIMENTAR


Aceitar que o diagnóstico de alergia alimentar não é o fim do caminho, nem um caminho sem volta  é o primeiro passo para continuar uma vida normal .

Conhecer os alergênicos e saber onde ele se escondem é essencial para uma vida leve e plena.

Muitos pais , quando seus filhos são diagnosticados com alergias alimentares , acreditam que eles não terão opção de comida nem tão pouco uma vida social... Mas já avaliaram a pirâmide alimentar? 

Quantos alimentos saborosos se pode consumir?  Tubérculos, raízes, hortaliças, frutas, leguminosas ... Os dois principais alergênicos são o leite ( seus derivados e proteínas )  e os ovos que, se excluídos da pirâmide, ainda permite um consumo de 90% dos alimentos , claro , não levando em consideração os industrializados, que normalmente nem quem não possui alergia alimentar deveria consumir de forma diária e em excesso pois levam muito açúcar .

Certa vez, ouvi a Nutricionista Renata Pinotti falar que não é Alergia Alimentar o que essas crianças possuem e sim "ALEGRIA ALIMENTAR", porque essas crianças tem pais que se preocupam excessivamente com o preparo, com a procedência, que comem juntos a mesa , na maioria das vezes  a mesma comida, conhecem o sabor verdadeiro de cada alimentos e não possuem o vício no industrializando ... olha a alegria que seria se todas as crianças comessem assim por escolha !

Com certeza,  mais do que excluir o alergênicos, os pais e alérgico precisam de muitos outros cuidados e inclusão de  novas práticas a rotina se faz necessária , como  leitura minuciosa dos rótulos , ligações aos SAC´s das empresas , conhecimento de nomes que muitas vezes camuflam os alergênicos ,  pequenos produtores para ajudar nas produções básicas de pães e bolos ( isso quando as mães e pais não aprenderam aquelas receitas especiais ) e o  conhecimento em relação a traços ... Você sabe o que é traços?  

Traços é uma pequena quantidade de um certo alimento cuja sua transferência ocorre através de contaminação cruzada durante a toda a cadeia produtiva, podendo ser talheres, pratos, panelas, buchas ou maquinários compartilhados.  Quando o alérgico é muito sensível podem apresentar reações alérgicas aos traços de alimentos alergênicos , por isso a importância de leitura do rótulo  e consulta ao médico ou nutricionista que o acompanha ... os cuidados em casa e na rua se tornam ainda  mais especiais nesse caso e o acompanhamento mais próximo e uma rede de apoio, auxilia e muito na tranquilidade da família.

Falar sobre o assunto é outra dica muito importante , disseminar informação , encontrar pessoas que possam somar e que possam estar vivendo as mesmas duvidas e anseios , não ter vergonha  ... hoje a informação é muito mais global do que há anos e quase todas as crianças tem pelo menos um coleguinha que possui alergia ou intolerância a algum alimento ... abraçar essa causa e incluir a todos em todos os momentos é um exemplo a ser mostrado e seguido.

" Inclusão é a forma mais saudável de levar amor para você e sua família " 

By Bell @comendomelhoresaudavel

Instagram - @comendomelhoresaudavel



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ADAPTAÇÃO EDUCAÇÃO INFANTIL

TOQUE AFETIVO

A IMPORTÂNCIA DAS FÉRIAS PARA AS CRIANÇAS