Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2019

OS SENTIMENTOS E A CRIANÇA

Imagem
Nascemos com instintos. Se estamos com fome, sede, sono, frio, calor choramos.

Não sabemos expressar de forma diferente o que nos incomoda, então choramos. Desta forma chamamos a atenção de alguém que possa nos ajudar e resolver o problema.
Aos poucos vamos crescendo, com o desenvolvimento da fala e a compreensão do que está acontecendo, começamos a falar: água, se estamos com sede, banheiro, se estamos apertadas.
No entanto existe o desenvolvimento cognitivo, e a explosão de sentimentos que não sabemos lidar. 
O medo, a raiva, a frustração, a tristeza, a alegria. Se estamos com medo de algo ou alguma situação, nos retraímos. Se estamos com raiva jogamos as coisas no chão, gritamos. No fundo não fomos ensinados a lidar com nossos sentimentos, entendendo qual é o motivo real de estarmos nos sentindo assim e como expressar de uma forma sem ferir, magoar ou fazer um mau comportamento na visão dos adultos. No fundo, a forma com que as crianças expressam suas emoções é o jeito que encontraram …

A IMPORTÂNCIA DO BRINCAR

Imagem
Não existe melhor momento para conhecer uma criança, para conhecer nossos filhos que não seja na hora da brincadeira. Brincar é coisa séria, é o trabalho da criança, importa e é necessário. É nesse momento que eles abrem a caixinha da imaginação e retiram de lá de dentro toda a sua essência e visão de mundo.
Quando as crianças brincam estão totalmente entregues e disponíveis ao que estão fazendo. Elas estão soltas, leves, vulneráveis, desarmadas, abertas a novas descobertas, ao processo de aprendizagem e prontas para estabelecer relações afetivas e seguras.
Ao ofertarmos em forma de brinquedos mais que botões tecnológicos, luzes giratórias e sons estridentes aos nossos filhos, damos a oportunidade de várias áreas importantes para o desenvolvimento deles serem trabalhadas. Os brinquedos educativos tem esse poder, levam nossos filhos a pensarem, a se movimentarem, a partilharem, a pedirem e a oferecerem ajuda. 
Desenvolvimento motor e psicossocial junto. São muitas as habilidades sociais e…

SELETIVIDADE ALIMENTAR

Imagem
Seu Filho Não Come?
Seletividade alimentar é normalmente classificada como parte de uma dificuldade alimentar. É caracterizada por não ter vontade de ingerir alimentos já familiares, experimentar novos alimentos assim como possuir fortes preferências alimentares como cor, sabor, textura, formato, etc. Como consequência disso, o cardápio fica monótono e a alimentação fica restrita durante a infância, principalmente com relação ao consumo de frutas, legumes e verduras.

Hábitos saudáveis estabelecidos na infância, continuam até a fase adulta.
A exposição precoce a sabores de diferentes alimentos, inclusive durante a gestação e amamentação, parece influenciar na preferência alimentar durante a infância. Acredita-se que evolutivamente, é esperado que a criança rejeite o alimento nas primeiras vezes, para garantir que não seja venenoso. E, por isso, pesquisas sugerem que com exposições repetidas a novos alimentos, faz com que as crianças acabem se acostumando. Alimentos novos devem ser ofereci…

CARREIRA E MATERNIDADE

Imagem
Seja trabalhando em casa, sendo autônoma, empreendedora ou realizando o trabalho da empresa em home office você precisará organizar sua casa e sua rotina para conciliar com a maternidade.

Algumas dicas importantes:

1. Escolha um espaço ou cômodo da sua casa para montar seu cantinho de trabalho com computador, cadeira confortável, papel e canetas
2. Deixe claro para todos os membros da sua família qual será o período em que você estará em casa trabalhando - no seu cantinho do trabalho. Ou de preferência realize suas atividades quando estiver a casa disponível só para você. Por exemplo, hoje realizo as atividades voltadas ao meu trabalho na parte da tarde, enquanto minha filha está na escola, e finalizo alguma atividade após às 21h depois que ela já foi dormir.
3. Defina um horário de início e fim para desenvolver estas atividades, sem comprometer o tempo com a sua família 
4.  Use fone de ouvido quando precisar de mais foco 
5.  Faça pausas para tomar água, café, ir ao banheiro ou simplesmen…

CASAMENTO SAUDÁVEL APÓS A MATERNIDADE

Imagem
Um dos principais desafios de nós mamães é resgatar o nosso papel de mulher e esposa após a maternidade. Ficamos imersas no papel de mãe de primeira viagem, fazendo o nosso melhor para cuidar, amamentar, higienizar, estimular nossos bebês e acabamos esquecendo de olhar para o nosso papel de mulher. Como está seu relacionamento com seu marido após o casamento? Como está seu tempo para o marido? Relação sexual? Acordos? Consenso para educação dos filhos? Afinal, como ter um relacionamento saudável com seu marido após a maternidade? O primeiro passo para ter um casamento saudável é dedicar um tempo para seu relacionamento amoroso, para que você restaure seu casamento após a maternidade. Coloque na sua rotina um tempo útil para o casal. Você já percebeu como o tempo pro casal fica cada vez mais raro depois que nosso bebê nasce? Resgatar alguns minutos a sós por dia tras um clima de namoro pra relação, e nos mostra como são importantes e prioridade um para o outro. O segundo passo é saber…