BRINCAR NA EDUCAÇÃO INFANTIL









O brincar na Educação infantil para a Psicologia nos traz um contexto diferenciado, do brincar comum.

Independente da abordagem que o profissional atua, como psicólogos entendemos que através do brincar, as crianças expressam os seus sentimentos, pensamentos e os elaboram. É o que nós psicólogos chamamos de ludoterapia.
Se trata de um brincar diferenciado, onde suas vivências, seus traumas, são expressos de modo espontâneo, simples e genuíno. Com muita espontaneidade a criança escolhe um brinquedo, uma brincadeira específica, cria histórias e escolhe papéis (personagens) nos quais deseja desempenhar, faz desenhos e utiliza cores específicas para pintar, na manipulação do brincar com a massinha... Tudo no brincar da ludoterapia expressa uma realidade emocional. 

O brincar na psicologia é um brincar com significado, onde nada é descartado

Nesse brincar tão natural, a psicologia vê uma história de vida sendo retratada e a tentativa da própria criança de elaboração, ou seja, de vencer o trauma. 

É a partir da ludo terapia que a psicologia consegue ter uma visão mais ampla do estado emocional e mental nessa importante fase da educação infantil.

Pois consegue interpretar como essa criança se vê e como tem a impressão de ser vista pelos outros, como se relaciona com a família, amigos, como está o seu estado mental e emocional. E assim, o profissional pode direcionar a melhor forma para auxiliar essa criança e orientar os seus pais.

Dra. Denise Moreno 
Telefone - (21) 97910-1358
Psicóloga 
Coach Educacional
Gestora do Psiquemetanoia
Especialista em Clínica Psicanalítica
Especialista em Neurociências Aplicadas na Reabilitação
Instagram - @psiquemetanoia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ADAPTAÇÃO EDUCAÇÃO INFANTIL

TOQUE AFETIVO

A IMPORTÂNCIA DAS FÉRIAS PARA AS CRIANÇAS