VAMOS FALAR DOS PAPAIS!




Hoje vamos falar dos papais, (Ops...), da liberdade que damos aos papais, (Ops...), da liberdade que damos aos filhos de terem um pai, (Ops...), da insegurança materna... Ah! Acho que é melhor falar de tudo junto!!!!

Já estamos cansadas de saber a importância da conexão do pai com a criança. O pai tem estilos diferentes de se comunicar e de interagir. É comum que eles desafiem mais, enquanto nós protegemos. Eles ensinam sobre regras e consequências, nós equilibramos com a empatia. Nós aninhamos, eles apresentam o mundo do jeitinho deles e empurram os filhos para os primeiros voos.

E a gente fica assistindo o pai empurrar aquele balanço alto demais, louca para tirar a criança dali, não é assim?

Mas sabe o que é? A gente ainda não entendeu que um casal pode ter o mesmo objetivo na formação de seus filhos, mas contribuir nesse projeto com suas singularidades, cada um em seu papel e isso é maravilhoso!

Não tenha medo dessa parceria. Não seja egoísta a ponto de privar o pai de SER pai e o filho de TER um pai. Cada um de nós tem um espaço que é só nosso, você não vai perdê-lo. É a partir dessa relação tão rica que seus filhos (meninos ou meninas) terão uma referência externa à simbiose que viviam com você  até então, se sentirão seguros para deixarem um pouco o ninho e desenvolverem de forma mais facilitada e saudável suas próprias personalidades e maneiras de reagirem ao mundo!

Pensem nisso toda a vez que bater aquela insegurança em deixar as crianças sozinhas com o papai, combinado?

texto: @educando.maes

Canal YouTube: https://www.youtube.com/channel/UC4BbTCvn3FsxO86QP1Uv7Pw?app=desktop

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ADAPTAÇÃO EDUCAÇÃO INFANTIL

TOQUE AFETIVO

A IMPORTÂNCIA DAS FÉRIAS PARA AS CRIANÇAS